Textos
A ALGUÉM QUE PASSOU
Com você aprendi desde coisas simples a coisas que valerão por toda a minha vida.
Aprendi a usar sabonete Francis e pasta Closu-p (risos). A fazer uma omelete de forma diferente (mas confesso que já esqueci a diferença) e comidinhas de última hora.
     Aprendi a fazer amor no sofá da sala correndo o risco de ser surpreendida pelo seu filhão, e colocar água no congelador para tê-la sempre gelada.
    Aprendi que se quiser ter um amante não posso ser muito companheira, pois corro o risco de ser vista como sua “irmãzinha” .E que não posso ser do meu jeito brincalhão pois para alguns homens, brincadeiras, ao invés de relaxar e tornar os momentos mais agradáveis “tiram tesão”.
    Que doçura demais enjoa e se quiser ser mais excitante tenho que ser mais ousada e dizer mais  frases picantes. Que a expectativa em relação ao outro pode amedrontá-lo e afasta-lo de vez da nossa companhia e que “só se pode esperar de cada um o que cada um pode dar”.
     Mas aprendi também que devo gostar de mim do jeito que eu sou, mesmo que alguém me ache tola ou idiota.Que não devo e nem quero mudar a minha maneira de ser para ter alguém ao meu lado.Pois se alguém só me quer da sua maneira não vale a pena estar com ele.
    Que devo ser exatamente como sou apenas corrigindo alguns defeitos e superando algumas limitações que me incomodam  e continuar cultivando aquilo que tenho de bom ( e esse prato na minha balança graças a Deus é mais pesado).
    Aprendi que o sexo é muito importante e prazeroso,  mas não pode ser o único objetivo de uma relação e que posso continuar cultivando o meu lado espiritual sem  atingir a qualidade e o prazer da minha vida sexual, pois uma coisa independe da outra.
    Aprendi a te amar do jeito que você é mesmo reconhecendo alguns defeitos.
    Por fim, aprendi que um amor não correspondido é perda de tempo e energia ( e eu não   tenho nenhum dos dois a perder), por isso deve ser esquecido e que o  tempo sempre foi o melhor remédio.
Obrigada por tudo que você me ensinou. Por tudo isso valeu a pena.
Espero que eu tenha lhe ensinado algumas coisas e tenha deixado algumas marcas no seu coração.

Livia Chamusca
Enviado por Livia Chamusca em 12/11/2010
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras