Textos
O PERFIL DO PROFESSOR ATUAL
    Desde o surgimento da educação sistematizada, através do seu maior instrumento, a
escola, o professor sempre teve a função de ensinar. Esta função porém, sofreu, e
continua sofrendo,modificações de acordo com os interesses e as necessidades de cada época. Nos tempos modernos,ou seja,no período modernista,o professor era visto como um mero transmissor de conhecimentos. Aquele que detinha o saber e deveria deposita-lo na cabeça do seu  aluno. O pensamento por sua vez, era visto como algo imutável e a aprendizagem era feita de forma linear. A este tipo de educação deu-se o nome de
educação bancária.
    A educação bancária era castradora e conservadora e pretendia apenas manter as desigualdades existentes entre oprimidos (dominados) e opressores (dominantes). Com o surgimento de alguns pensadores que lutavam por uma educação libertadora, surgem
questionamentos e incertezas e dá-se início à era pós-moderna, negando tudo que se conhecia até então.
    Crenças e dogmas tidos como absolutos começam a ser questionados. Tudo agora é mutável, inclusive o pensamento, que passa a ser visto como um processo contínuo e
inacabado.
imprescindível, é a curiosidade. Percebendo o mundo e o pensamento como inacabados
    O professor aparece com um novo papel dentro da sociedade. Sua função agora é de mediador do processo ensino-aprendizagem, ou seja, um facilitador ,que leva o aluno a construir seu conhecimento.
    Alguns elementos passam a serem  básicos para o professor pós-moderno. Um deles,
o homem deve estar sempre em busca das respostas para suas perguntas. O professor deve assumir portanto, o papel de pesquisador.
    Outro elemento importante é a criticidade. A sociedade contemporânea exige que o professor assuma uma posição crítica dentro da sociedade, ou seja, venha  a perceber-se
como elemento constituinte desta e responsável pela sua mudança para melhor.
    Além da curiosidade e criticidade mencionadas anteriormente, deve também permear o trabalho do professor a criatividade, desenvolvendo seu potencial inventivo ,criando novos processos e sugerindo atividades dinâmicas, motivando seus alunos a participar dos trabalhos propostos (mesmo porque a motivação é fundamental para o sucesso da aprendizagem).
   Deve o professor ter ainda, humildade suficiente para admitir os seus erros e procurar conserta-los ao longo do caminho, na sua incessante jornada. Só essa humildade é capaz de faze-lo mudar para melhor. Se o professor é aquele que se coloca sempre como o dono da verdade, como poderá prosseguir em busca dessa mudança?
    Além dos elementos já citados o professor não pode abrir mão do diálogo com seus alunos, ou seja, estar pronto para ouvi-los quando se fizer necessário. Deixa-los relatar suas experiências e expor suas dificuldades e anseios, para poder auxilia-los. Deve inclusive atestar sua ignorância em torno de algum assunto, afim de que essa atitude venha a gerar discussões e se possa chegar a um senso comum.
    O professor não deve apenas dominar o conteúdo que deverá transmitir,mas, também, saber como onde e como usar o seu conhecimento. De nada adianta ter domínio dos conteúdos sem ter discernimento para fazer o uso adequado dos mesmos.
    Como não, podia deixar de ser,  o professor deve estar envolvido socialmente com seu aluno, já que cada indivíduo é um elemento inserido na sociedade  e portanto responsável pela mudança desta para melhor. Deve conhecer a comunidade e os problemas enfrentados por ela, discutir esses problemas com seus alunos e faze-los ir em busca de soluções ,através da participação ativa e da cooperação.
    Numa sociedade contemporânea, onde as mudanças ocorrem num ritmo cada vez mais acelerado e o número de informações que nos chegam aumenta consideravelmente dia após dia, aquilo que julgamos verdade hoje pode não parecer tão óbvio amanhã. Por isso o professor deve sempre se atualizar, sendo um estudioso eterno,em busca de novos saberes e de novas alternativas para tornar o processo ensino-aprendizagem mais prazeroso e proveitoso para os seus alunos.
    
Livia Chamusca
Enviado por Livia Chamusca em 25/05/2012
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras